SEO para vídeos

SEO para vídeos: aprenda a rankear melhor no YouTube

Aqui em meu blog pessoal, já dei dicas e ensinei “Como aparecer na primeira página do Google” além de mostrar as melhores práticas de “SEO para imagens“. Hoje quero falar de SEO para vídeos, técnicas de otimização para fazer com que o seu vídeo se posicione melhor tanto no YouTube, como nos buscadores do Google.

Vamos nessa?

Você também pode se interessar pelo texto: 5 dicas rápidas para aumentar o engajamento da sua empresa nas redes sociais

Segundo dados do próprio YouTube, a cada 60 segundos cerca de 400 horas de vídeo são enviadas para este que é o segundo maior mecanismo de busca do mundo (perdendo apenas para o próprio Google).

Diante dessa enorme concorrência, você deve realizar alguns processos para que o seu vídeo consiga se destacar e aparecer para o seu público, alguns deles podem ser feitos em vídeos que já estão em seu canal e alguns precisam ser planejados antes mesmo da gravação. Confira abaixo quais são esses processos e mão na massa!

Nome do arquivo

É bem comum as pessoas fazerem o upload (envio do vídeo para o YouTube) com nomes aleatórios e sem nenhum sentido lógico, às vezes até com o nome original do arquivo da câmera como por exemplo “MVI_2858”.

É importante saber que os robôs do Google utilizam este nome para entender de qual assunto o vídeo trata. Ou seja: se você fizer o upload de um arquivo cujo nome contenha a palavra-chave que deseja destacar, a chance de melhorar o seu posicionamento nas buscas é grande.

Seu vídeo vai falar sobre uma viagem para Paris? Então renomeie o seu arquivo de vídeo para algo como “Viagem para Paris na França” antes de enviar para o YouTube.

Thumbnails ou imagem de capa

A capa do seu vídeo deve ser pensada nas diversas telas que o vídeo pode ser projetado: computador, smartphone, tablets etc.

Crie uma capa atraente, utilizando fotos que tenham ligação direta com o vídeo, além de textos curtos e grandes o suficientes para que o leitor consiga identificar do que se trata o conteúdo.

Thumbnails ou imagem de capa

Título do vídeo

Apesar de o limite máximo para títulos ser 100 caracteres, não ultrapasse os 70, isso porque um texto maior que esse número não é exibido completamente na plataforma.

Outra dica importante é utilizar a principal palavra-chave do vídeo no início do título. Utilize o Google Trends e a ferramenta do Google Ads, ambas gratuitas, para descobrir os termos que possuem maior busca e assim pensar não só no título como também nas tags, assunto do próximo tópico.

Título do vídeo SEO

Tags de vídeo

Não existe um número exato de tags que você deve utilizar em seus vídeos, porém, recomendo que utilize pelo menos 10 para indicar o assunto do seu conteúdo. 

Uma outra dica é criar ao menos 2 tags próprias e utilizá-las em todos os seus vídeos, independente se o conteúdo não for da mesma linha de assunto, dessa forma o YouTube mostrará mais vídeos do seu canal no menu lateral (aba de vídeos relacionados), evitando assim que as pessoas cliquem em outros canais.

Uma boa tática de tag própria é criar algo relacionado ao nome do seu canal ou algum outro tipo de variação do mesmo. Se o seu vídeo tem relação com um espaço físico, utilize tags que englobam a localidade, por exemplo: agência de viagem em são paulo.

Descrição

Crie pequenos textos que descrevam o conteúdo do seu vídeo. Isso ajuda os robôs do Google a identificarem o conteúdo do material e também a sua relevância. Um bom tamanho de descrição possui em média 400 palavras.

Uma boa estratégia é utilizar as palavras-chaves que deseja rankear (assim como já falamos anteriormente) e adicionar os links mencionados durante os vídeos. Falando em links, aproveite para divulgar o seu site e redes sociais nesta área.

Ao final da descrição, insira ao menos 2 hashtags que tenham ligação com o conteúdo do vídeo, elas aparecerão nesta área:

Telas de final e cartões

Utilize a ferramenta “telas de final” para divulgar nos últimos segundos do seu vídeo, outros vídeos e playlist do seu canal, além de um botão convidando o usuário a se inscrever no canal. É possível inserir também um link para o seu website.

Já os cartões podem aparecer em qualquer momento do vídeo, funcionam como uma pop-up no canto superior direito da tela onde é possível adicionar o link para um outro vídeo. Você consegue adicionar vários cartões num mesmo vídeo.

Uma boa forma de utilizar a ferramenta “cartões” é inserindo um link para um vídeo ou playlist que está sendo mencionado no vídeo que a pessoa está vendo.

  • Exemplo: O vídeo em reprodução fala sobre uma viagem para Paris enquanto o narrador conta sobre os melhores restaurantes que visitou nessa viagem. Neste momento, um cartão aparece na tela indicando que o criador do vídeo já tem um conteúdo contando sobre a sua experiência nos restaurantes da cidade.
Telas de final e cartões

Playlists

Crie um grupo de videos (playlists) que possuam um material relacionado e adicione uma descrição com a palavra-chave em foco. Se a sua viagem para Paris gerou 5 vídeos, crie uma playlist agrupando os 5 materiais. Isso ajudará a mostrar que você possui bastante conteúdo sobre o assunto da palavra-chave em foco.

Playlists e SEO

Transcrição

Essa é uma das tarefas mais trabalhosas do SEO para vídeos. Adicionando uma transcrição, você ativa a opção legenda que narra todo o conteúdo e falas do vídeo.

Esse trabalho ajuda os robôs do Google a identificarem o conteúdo falado ao longo do vídeo, identificando as palavras-chaves e, consequentemente, posicionando-o melhor no buscador da plataforma.

Transcrição e SEO

Engajamento com o público

Para finalizar, estimule o seu público a clicar nos outros vídeos do canal, compartilharem o vídeo, curtirem e seguirem o canal.

Essa chamada para ação nada mais é que uma call to action em forma de vídeo, por isso crie um apelo visual em seus vídeos apontando com os dedos onde a pessoa deve clicar e fale exatamente o que ela deve fazer.

Além disso, interaja com o seu público, não deixe as pessoas falando sozinhas nos comentários, responda as sua dúvidas e converse com o seu público. Utilize esse espaço para criar um elo entre você e os fãs do seu canal.

Conclusão

Assim como trabalho de SEO em sites e em imagens, e como já falei anteriormente aqui em meu blog, o SEO para vídeos é um trabalho árduo mas necessário. Comece o trabalho de SEO em seus vídeos já publicados e utilize todas as dicas descritas até aqui nos próximos vídeos que subir em seu canal.

Caso precise de ajuda ou tenha dúvidas de como fazer a gestão e otimização do seu conteúdo online, fale comigo!

Texto produzido originalmente para o blog da A&P Web.

Leave a Comment

quatro + 19 =